Opinitivo e Pessoal

Abstrações diversas


Ficar encantado com as mulheres é fácil. Tanto quanto se irritar com elas. Se é verdade que os homens que as fazem rir, lhe cativam o coração, o afeto, a atenção, o amor, e a este, elas prometem viver o resto de seus dias; também é verdade, que, com o passar dos anos, os homens continuam a perder o juízo e ficam cada dia mais bobos; elas perdem o humor, e se irritam cada dia mais com seus companheiros que insiste em querer fazê-lhe gracinhas, na ânsia de conseguir amor, afeto e amor migalhado; sexo então, em muitos casos, parece mais um sacrifícios dela, do que um ato de prazer.

abstracoes

A descrição acima é cruel. Mas, é uma realidade. Tenho contato com vários casais em que a vida das partes são mais celas invisíveis do que paisagem e jardins suspensos.

Nós homens demoramos a amadurecer. Vivemos um breve momento como adultos responsáveis e logo voltamos a ser o que muito irritam às mulheres: irresponsáveis crianças crescidas, desatenciosos, respondões, mal criados, intolerantes, e cheios de manias.

Outros assuntos ligados e soltos

Aqui perto, vive um casal em que a paixão dele é tocar violão, e o faz ás escondidas, por que a esposa detesta vê-ló tocar; “Isto é coisa de músico frustrado. Se eu te vê tocando isto, eu juro que quebro e faço fogueira dele” – ameaça sempre!

Semanas atrás, um jovem casal (Ele tem 21, ela 18) estavam aqui em casa. Ele abriu o notebook e ela correu para olhar. Não demorou muito para ouvi-la dizer: “Não aceita não! Eu não sei quem é esta fulana. Ai de você de aceitar estas inhas no seu facebook!” 

Disse ao moço para não aceitar a censura a ele imposta. Que ele tinha o direito de aceitar quem quisesse na conta dele, desde que ele também entendesse que ela também poderia ter o mesmo direito. Como ele não queria que ela tivesse o mesmo direito que ele, não aceitou o convite de amizade, como ordenou: abra o seu facebook que eu quero ver quem é que está lá.

As previsões funestas, canhestra de que eu e minha esposa não viveríamos muito, tem fracassado ano a ano. Ao menos uma coisa podem ter certeza: somos teimosos, e vamos continuar a teimar neste tema. Afinal, se tem uma coisa que combinamos bem, é que somos cabeças duras. Se existe um cenário triste, enfrentamos, até ele ficar alegre; se é complicado, nós o descomplicamos. Se é longe vamos juntos; se é perto, ficamos olhando um ao outro; se é difícil, um ajuda ao outro; se é pesado, dividimos o peso; Por ai vamos.

As mulheres são criaturas poderosas. É uma constatação. São capazes de nos extrair amor e nos jogar no terror do ódio; amor a elas, e ódio também. Alguns de nós conseguimos amar sem odiar. Outros transformam o amor em ódio muito fácil e rapidamente. E tudo isto é um mistério!

Um comentário em “Abstrações diversas

  1. Gostei muito de teus pensamentos e abstrações. Muito legal e até engraçado, por vezes.rs
    Essa do computador e FB, muito boa e conheço muiiiiiiiiiiiiiitas assim,rs…Por isso nem é bom ter FB!

    Enfim, gostei de te ler, ver das teimosias do casal pra dar certo e seguir e aqui em casa, estamos há quase 44 anos juntos.É mole? Muito bom isso, uma vida! abraços, chica e obrigada pelo comentário lá!

Comentar este texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s