Sem categoria

… de verdade


Dizer a expressão que vem se popularizando ou que já se popularizou nos meios sociais e nas mais altas e amplas conversas vistas como expressão de valor, expressão de reconhecimento intelectual, reconhecimento de diferenciação do que é, e do que poderia ter sido, é na atualidade normal. Eu não gosto da sintetização que se fazem em certas expressões que se popularizam. Esta é um exemplo.

… família de verdade

Eu ouvi agora na novela A VIDA DA GENTE a expressão: “Eu queria tanto ter uma família de verdade.” E o que isto sintetiza? É a exteriorização de um sentimento amplo e vasto de descontentamento que vemos nas atuais famílias. Não só aqui no Brasil. A expressão pode variar, no entanto, nas séries e filmes de outras nações percebe-se também este sentimento, esta realidade de falta de valores.

Quando se usa a expressão, como no exemplo da novela, percebe-se ou tentam explicitar que a família tem sido ou tem agido assim, no contrário! de mentira. E como seria ter uma família de mentira? Não é o caso de não se ter pai, nem de ter mãe, nem avós, nem tios. A critica vai exatamente atingir a existências destes componentes familiares, no entanto, tais criaturas, não representam na vida dos jovens, o que os antigos foram para estes. Esta é uma das críticas. Como eu entendo a frase!

– Eu queria tanto ter uma família de verdade… igual a família que você teve. Um pai que te orientou moral e eticamente. Uma mãe que te orientou nos caminhos a seguir. Os irmãos que se uniram em torno de você quando tomou uma atitude temerária para te resgatar. O respeito que os tios impunham por serem o que eram: os irmãos de meus pais. E por conseguinte, era necessário dispensar a eles atenção, respeito, atitude. Avós que participaram da educação, proteção, seguridade, e em muitos casos, um backup-up a nossos pais, e se nossos pais falhassem …

A expressão é usada para um sem número de situações. É usada para expressar descontentamento de valores em muitos segmentos sociais.

… amigos de verdade

Também segue os princípios de questionar a desqualificação dos sentimentos de amizades, as baixas valorizações as pessoas que dedicam atenção, carinho, amor, tempo e vários outros bons sentimentos ao seu semelhante. Se reclama muito da falta de amigos de verdade. Ou seja, o contrário é que estamos numa época de amigos…  de mentiras. E como se faz a diferenciação? Simples. Todos sabem como agem os amigos, os de verdade. São leais. São fieis. Estão ao nosso lado para nos ajudar, para nos aconselhar, para nos levar quando perdidos, nos auxiliar, nos erguer quando caímos… etc..

… escolas de verdade

As escolas e tudo que elas representam também tem sido alvo da expressão: escolas de verdade! Isto implica em reconhecer que as escolas tem ensinado muito, porém, não tem atingido, nem tem feito sua tarefa de escola de verdade. Talvez, porque antes as escolas, ensinavam as matérias exigidas, e os professores eram também pessoas de caráter, moral e ética, e sobre tudo, pessoas com apoio das famílias de verdade, os governantes de verdade, das autoridades de verdade, e as crianças saiam de lá com o conteúdo e com nortes morais, éticos, espirituais, emocionais. A escola de hoje, além de ter suas atividades ampliadas (ensinar, educar, proteger, orientar, coordenar, moralizar…) também teve seu poder diminuído. Ou seja, a escola não pode mais corrigir, punir, penalizar, exigir, admoestar, repreender.

… justiça de verdade

A sensação que temos é que não mais se faz justiça. Não temos mais a certeza de que se recorrermos a justiça seremos atendidos. A sensação que temos é que a justiça sempre tem pendido para o lado dos poderosos, dos influentes, dos que podem pagar por assistência jurídica.

A expressão é usada neste sentido de contrariedade, de antítese, de expressar a ideia de insatisfação, de descontentamento com o que acontece, com o que se percebe, com o que se instituiu, com este sistema que atualmente vigora. Sempre em contrario aos princípios da verdade.

A expressão “de verdade” está denunciando um movimento corrente que é mentiroso. A expressão “de verdade” revela a sociedade tem visto a degradação social, moral, ética e de valores diversos, mas, não tem conseguido elencar o descontentamento, não tem conseguido listar o que é mentira, o que é contrário ao axioma

A expressão “de verdade” revela a não conformidade social experimentada e difundida por muitos, quiçá, a maioria. Que as “suas ideias não correspondem aos fatos”. Que certas ideias não são verdadeiras ainda que muito bem difundidas.

A expressão “de verdade” está de fato revelando os erros, a falta de exatidão, o contrário da realidade da coisa certa e verdadeira. Que estamos seguindo uma ilusão social, uma mentira cultural. E que não é de fato uma manifestação do que se deveria viver, experimentar, difundir, do que se sente, do que deveriamos ser. Que está faltando sinceridade, boa-fé, fidelidade… de verdade!

Este texto foi escrito por mim, Adão Braga. De verdade!

Anúncios

6 comentários em “… de verdade

  1. A verdade é que sempre estamos insatisfeitos com tudo, mas em um momento que grande desilusão é que enxergamos realmente as pessoas de verdade que estão ao nosso lado.
    O que poderia ser diferente, se as pessoas fossem menos egoísta.

  2. Seria porque insistem em viver na mentira ?
    A gente pode não ter uma familia legal, uma escola legal, uma justiça legal, sermos representados por politicos legais…mas temos o poder de mudar ou de construir alicerces para uma mudança futura. Plante hoje e colha amanhã….agora ficar reclamando da vida, não dá neh ???

    1. Não viver na mentira Beth. Questionar sinteticamente com a expressão não surte tanto efeito. “Ah! eu queria que você me desse mais atenção de verdade” Ou seja, você me dá atenção, mas, é um tipo MENTIROSO de atenção! Como? E com quais critérios criatura você julga e rotula a atenção alheia? A atenção sua para comigo pode ser verdadeira, única, completa e total, mas, eu a julgo ser de mentira!

Comentar este texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s