Sem categoria

Um dia comum! Mas, é para nós ESPECIAL!


Hoje faz 17 anos de casamento oficializado. E faz 18 anos e uns meses que estamos juntos. Nos conhecemos em fevereiro/março de 1993. Em julho estávamos namorando. Em 13 de outubro de 1994 nos casamos. Em 27 de novembro de 1995, nasceu Kaio Borges e em 14 de outubro de 2000 nasceu Pedro Henrique.

Neste tempo todo em que estamos juntos muito se aprendeu, muito se ensinou, muito aconteceu. Coisas boas e coisas ruins. Eventos marcantes e também insignificantes. É isto mesmo! As vezes momentos insignificantes marcam as relações. E, por todo o resto da vida, se fica lembrando daquele dia, aquela coisa boba, besta e matreira, que não significava nada, marcou as nossas vidas.

As brigas de sempre

Semana passada estava dialogando com uma colega que, reclamava das constantes brigas no relacionamento. E, disse-lhe que a melhor maneira de acabar com as brigas, é durante as mesmas, encontrar meios e maneiras de fazer um acordo sobre o assunto. Ter pontos de ambas as partes que são consensuais e firmarem compromissos. Baseado nesta negociação, ambos respeitarem os acordos firmados. E, quem é casado sabe disso, os pontos em que não há acordos, não há combinação, irão gerar as brigas de sempre.

Casamento, democracia e Constituição

Algumas amigas nossas admiram o fato de que Kátia vai para as festas que deseja e possa ir. Não é de hoje que algumas pessoas me perguntam: “Você não tem medo dela ir nas festas e arranjar outro não?” – Não é por que existe a possibilidade dela arranjar outro na festa que eu deva impedi-lá de ir a festa. Há também a probabilidade dela ir e não arranjar outro! Oras! Uma desconfiança minha não é elemento forte o suficiente para cercear seus direitos individuais concedido a todo brasileiro nato e naturalizado.

Se vivêssemos baseados nas desconfianças ela e também eu não poderíamos ir em lugar algum: igreja, salões, feiras, eventos da escola […] afinal, em qualquer lugar destes existe a possibilidade de se arranjar outro(a)! Besteira! Nenhuma relação prospera e vinga tendo por base tais sentimentos e atitudes.

Vocês são tão lindos

Dias atrás encontramos nossa vizinha acolá. Ela nos cumprimentou e nos elogiou dizendo: “Eu acho tão lindo quando vejo vocês dois de mãos dadas assim!” Mas, nem somos assim tão especiais. Já outra pessoas disse que achava lindo era o fato de sempre nos ver transitando na cidade na moto. “A impressão que eu tenho é que vocês nunca se separam um do outro” – Ah! isto é verdade! Sempre que podemos estamos juntos. Vamos sempre juntos em vários lugares. Mas, não é regra. Os lugares que ela não gosta e não quer ir, não vai! Eu por exemplo, não a acompanho em festas, nem em eventos políticos, nem nos velórios. Pois, é como sempre disse, e tá ai no Blog. Kátia está sempre em três eventos: festa, politica e velório. Nem sempre nesta ordem!

Hoje!

Hoje ela tá como sempre: linda! Os cabelos estão com as luzes aplicadas recentemente. Cresceu e as mechas já tomaram conta de todo a cabeça. Está linda. Ontem lhe comprei chocolate branco! O tipo e sabor que ela mais gosta. Hoje já perambulamos pelas ruas da cidade. Já fomos atender dois clientes. Já passamos no laboratórios para pegar os exames dela. Já conversamos amenidades e também já andamos trombando nos nossos motivos de briga! Mas, hoje, com exceção de que é aniversário de casamento, é um dia comum, como qualquer outro!

Mas, para nós é um dia especial.

Segredo da felicidade no casamento?

Amigas em especial nos perguntam e também afirmam: “Onde foi que vocês encontraram a receita da felicidade?”; “Eles sabem ser felizes juntos”  – E dizem isto, como se FELICIDADE fosse também sinônimo de AUSÊNCIA DE PROBLEMAS. Não! Não é! Nós temos problemas. Enfrentamos e suportamos problemas que alguns amigos e amigas dizem terem sido a gota, o extremo máximo, o elemento que culminou, que fez com que o relacionamento acabasse de vez. Não temos um elemento número um. Temos sim um conjunto de atitudes que nos acompanham como indivíduos que facilitam o convívio.

– Amor, atenção, carinho, dedicação, respeito […] sentimentos e atitudes nobres todos temos. Então, é só investir e apontar as flechas do cupido para o parceiro, a parceira e te garanto: não tem problema que por maior que seja, não é superado. Não posso esquecer de atitudes como: teimosia e perseverança. Perseverar é ótimo. Mas, como é que se usa a teimosia num relacionamento? “Eu não te largo!”;  “Desista! Eu não vou embora!”; “Nem pense nisso! Eu disse que só a morte nos separaria!”

Problemas sempre existirão. Não é que com ela eu tenha mais problemas do que com outra pessoa. Todos temos problemas individuais, e nos relacionamentos, problemas do individuo, pode afetar o conjunto. Problemas individuais podem provocar um redemoinho e arrastar a pessoa que deveria ficar de fora para poder resgatar quem está sendo arrastado. Por isto é sempre melhor pensar, que juntos somos mais fortes do que separados. É melhor dois do que um, pois, se um cair, o outro ajuda a levantar. Quando um tá fraco, um ajuda o outro e se ambos estiverem com problemas, um se escora no outro.

Superar obstáculo é uma necessidade constante. Desde que começamos nosso namoro que tivemos que enfrentar a desconfiança, as ameaças, os abandonos, o isolamento. No dia de nosso casamento tivemos o apoio de poucos. E ainda que ninguém tivesse apoiado nossas vontades, nossos desejos ainda assim teríamos ido avante. Poucos estiveram conosco naquele dia. Sentimos a falta e a saudade de alguns que já partiram. Até mesmo por eles, é que vivemos. Não só por nós, mas, também por todos aqueles e aquelas que nos apoiaram. E para pirraçar quem jogou praga! Quem torceu para acabar logo. Para quem ainda pensa que iremos desistir. Nós iremos resistir enquanto pudermos.

Eu e ela 18 anos atrás.

Anúncios

2 comentários em “Um dia comum! Mas, é para nós ESPECIAL!

Comentar este texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s