Ações da alma Humana · Comportamento de homens · Mulheres, Fêmeas, Feminino · Relacionamentos, casamentos e contratos · Vidas

mulheres e homens nús


Outro dia assistindo futebol ouvir um comentarista dizer:

– Ganhar uma partida não significa que o time foi melhor. O futebol não é justo!

Se fosse só o futebol, parte da população estaria alegre, feliz e satisfeita, porque há quem não goste de futebol seja ele justo ou injusto, mas no geral de nossa existência se diz:

– A vida não é justa.

Porém, esta avaliação é baseado em que? Julgo ser baseado na definição de justiça que cada um de nós carrega dentro de si, que digo, pode ser resumida nas seguintes palavras:

– Justiça é qualquer decisão a nosso favor!

Como este blog é para tratar mais de nossas causas humanas, o que desejo com tais comentários? Simples, passamos agora pelos dias dos namorados, e ouvi, e li diversos blogs em que blogueiros e blogueiras diziam-se sozinhos.

E, fazendo uma breve avaliação da personalidade de tais blogueiros e blogueiras a questão que salta a tela é assim interpretada:

– O que há de errado comigo? Porque não consigo alguém para namorar, noivar, casar e ter uma família?

A situação pode complicar porque parte destes indagadores podem comparar com outras pessoas, que na  aparencia e na realidade demonstram-se maior instabilidade, bem como despreparo para a vida conjugal e no entanto, tem estas pessoas, companheiro, parceiros, família, filhos, e possivelmente um futuro acompanhado.

Por outro lado, há diversos homens visivelmente problemáticos, e mulheres também com diversas complicações “socio-economica-psico-soma-cultural-emocional” fragilizadas, que no entanto evidencia a injustiça da vida para quem está olhando de um outro angulo.

  • Quantos maridos não sofrem com mulheres com Transtornos Obsessivos Compulsivos?
  • Quantas esposas não sofrem caladas as agruras e agressões domésticas?

(Os dois itens acima foram apenas exemplos, existe uma lista muito maior de complicações, e complicadores.)

Sendo assim, porque há tantas pessoas “problemáticas” unidas em laços do matrimônio ou de uma outra maneira qualquer, enquanto outras pessoas, homens e mulheres, de melhor comportamento, de melhor indole, melhor estrutura continuam solitárias, e por mais que busque não acha uma cara metade, ou até mesmo uma “alma meia-gêmea”.

Assim posto, a vida não é só injusta como é pervesa!

Há homens e mulheres estão nús num relacionamento, vivendo como baratas sem cabeça. É dizem que “Uma barata pode sobreviver 9 dias sem sua cabeça até morrer de fome.”

A barata nesta situação não pode mudar sua situação. O que lhe resta é esperar a morte. Ressalva-se, que sem a cabeça, ela não sabe que está morta, nem que está sem comando, que a morte é inevitável e que aquele corpo não tem mais como continuar sua jornada.

Assim temos vivido neste mundo, nesta vida injusta e pervesa que faz-nos perder a cabeça, enquanto nos permite vegetar; não há aparelhos a serem desligados para relacionamentos “baratas-sem-cabeça”.

Anúncios

16 comentários em “mulheres e homens nús

  1. Pra gente ver como é que tudo se explica por critérios subjetivos mesmo, né? Justiça é decisão a nosso favor… sábias palavras.

    Lembra-se de mim, amigão? Mutumutum do “Coisas e Tralhas”, hehehe. Voltei a blogar. A casa é nova, mas tem ares da antiga mesmo. Dá uma passadinha lá, se quiser:

    cartumcombobagem.blogspot.com

    Abraços

  2. Ufa…ouvir tua voz foi um alivio ao meu coração!!!
    Sorte
    Sorte
    Sorte……………………………..amo-te amigo meu!!!!
    Eu tiro por…nunca para…hehehehehehe…jamais esqueça disso migo. gostou dessa????
    Top secret Dão!!!!

  3. Querido amigo Adão:

    “Conviver é uma arte”
    Não existem fórmulas mágicas…
    Se você quer conviver com alguém, terá que ceder e deixar o egoísmo de lado.
    Penso que vale a pena!
    Temos que nos ariscar (Risos…)
    Existe sempre o perigo de nos magoarmos ou de magoar alguém.
    “Amar é a certeza de jamais querer magoar”
    Adoro os seus textos.
    Um abraço.

  4. Querido Amigo Adão! Como vai?
    Profunda essa publicação! (pausa para pensar).
    A vida é justa sim, o que não são justas são as pessoas. A maioria pensa em tirar vantagem de tudo, ATÉ DE PESSOAS.
    Quanto aos blogueiros sozinhos, fico triste em saber. Porém, fico pensando nos relacionamentos de hoje: “ficar”, “curtir”, e etc…sem ao menos saber o nome da pessoa fazem sexo por sexo e NADA DE AMOR e muito menos, RESPEITO. Sendo assim, dificilmente estarão acompanhados de verdade. E, se tiverem será por uma noite, ou no máxima uma semana Pareço uma velha? Não sou mais uma mocinha, tenho quarenta e dois anos e, fui criada à moda antiga. Meus pais me ensinaram que o amor é o mairo dos sentimentos! Voltando aos blogueiros solitários, em muitos casos, falta conhecer a pessoa com tempo, criando laços de amizades, ou laços de afeto/desejo. Sei, mesmo conhecendo a pessoa, muitas vezes corremos o risco de errarmos, porém, as chances serão menores quando tomamos certos cuidados.
    A carência afetiva faz com que, tanto MULHERES, ou HOMENS, sofram com os Transtornos Obsessivos Compulsivos. Uma boa dose de compreensão e amor, fará com que esta doença desapareça.
    Já no caso das mulheres sofrerem caladas, penso que tudo tem à hora certa de acontecer ( liberdade por exemplo) e, não podemos julgar ninguém, até porque não sabemos as razões que as levam a tal atitude. Só quem vive sabe.
    IMPORTANTE esta tua publicação/reflexão. Parabéns!
    Com admiração, tua amiga
    Cármen Neves.

  5. Quando eu falei que a vida não tem nada a ver com merecimento muita gente questionou. Mas é a mesma coisa, a vida não é justa, não de acordo com o que a gente pensa. “Não é justo eu ter isso” ou “eu mereço ter isso” são queixas bem semelhantes.

    Acho que, no fim das contas, confundimos mesmo a nossa justiça com a justiça da vida, a justiça divina, do destino.

    Abr

  6. Adão.

    Esse negócio de casamento é sempre complicado.

    Imagina juntar duas pessoas… dois universos diferentes… e colocar os mesmos dentro do mesmo quarto… usando o mesmo banheiro !!!!!

    Brigas e desgastes sempre irão acontecer.

    Esse negócio de “cara-metade” não existe… não existe meio-marido para meio-mulher… o que existe são dois “inteiros” que vão se juntar e ficar se debatendo até se adaptar.

    “Adaptar” é a palavra chave.

    Alguns conseguem.

    O negócio é atingir um nível de relacionamento onde o RESPEITO seja a palavra de ordem.

    Abraço.

  7. Baratas? Eu piso nelas…portanto, jamais me consideraria uma barata, muito menos sem cabeça. Sou chique para querer viver em esgotos pessoais, não me permitiria a isso.

    Amore…as relações sempre são complicadas, afinal, somos dna´s unicos em todo o universo. Mas, no dia em que as pessoas pararem de olhar as outras pelos dentes, talvez elas consigam as respostas para a sua solidão. Dentes??? Como assim? Fazem isso para escolher os melhores cavalos e faziam para escolher os melhores escravos.

    Olha queridão…as pessoas precisam aprender a respeitar o próximo, não jogarem a responsabilidade de sua felicidade no seu parceiro (a), e procurarem estar ao lado de alguém que as respeite, pois com certeza, teremos menos dilemas existenciais.

    1 – Se o marido sofre com a mulher que tem TOC, então, é pq ele a ama, caso contrário não estaria do lado dela. Qual homem sofreria por uma mulher que não amasse?

    2 – Se ela sofre com as agressões domésticas, com um marido alcoolatra, violento, então, ela é burra, pois ninguém obriga a você estar do lado de outro alguém que te leva ao status quo de não ser ninguém. E com certeza ele não acorrenta ela ao pé da mesa. Então, ela é covarde também, é fraca, por não ter coragem de arrumar as malas e partir. E se ela está com ele é porque quer e talvez o ame, ou esteja acostumada a viver assim – num esgoto, num estabulo, numa senzala.

    Nessas reuniões de mulheres que são vitimas de violência doméstica, um dos primeiros pontos é você assumir sua fraqueza diante da situação. Assumido-a, é o primeiro passo para se libertar.

    Tenho endometriose, depressão, sindrome do pânico, tenho 3 nódulos cirurgicos na tireoide, meus hormônios andam loucos, sou metida prá cacete, mimada, filhinha de papai e de mamãe, gastadora ao extremo, geniosa, malcriada, e nem por isso sou menos amada, idolatrada, venerada, desejada. Mas para isso deixei meu egoismo um cadinho de lado e me permiti dormir mais cedo e acordar junto. E para estar do lado dele tive que deixar de lado vários preconceitos meus. Vc bem sabe, afinal, é um dos dindinhos da relação. 🙂

    Qq relação é complicada quando não se faz concessões. Vou passar desta para melhor sem me conhecer, muito menos conhecê-lo !! Só quero mesmo é ter tempo de olhar para tras e dizer: valeu a pena….

    Bjs fofissimo !!

  8. “- O que há de errado comigo? Porque não consigo alguém para namorar, noivar, casar e ter uma família?”

    Sempre que há comparações existe essa triste auto critica.

    Eu perguntaria: “o que há de errado com o mundo??? Não consigo encontrar alguém que satisfaça minhas espectativas.”

    Nunca tive dificuldades de encontrar alguém, a dificuldade sempre foi e é aceitar esse alguém. Manter intimidade é dificil… não digo de ficar nú, fazer sexo, é muito mais que isso.
    É permitir que o outro conheça sua essencia e conhecer e aceitar a essencia do outro..
    Sou muito egoista, por vezes individualista, será que tenho TOC????
    RSRSRSRSRSRS

  9. Oi Adão 🙂
    Porque??
    Porque fomos feitos para o conjunto.
    O homem e a mulher não nasceu pra ficar sozinho, isso mata, traz dor, fomos feito para ser multiplicado. 🙂

    Eu lembro da imagem rsrsrs. 🙂

Comentar este texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s