Assuntos Aleatórios

Depois da simpatia o desgaste


Depois que passou o 13 de Junho e você realizou todas as tarefas das simpatias devidamente creditada e ratificada por miríades e miriades de solteironas que sairam do caritó, você agora tem um marido, ou, quem sabe você varão, tem uma esposa.

A labuta agora é outra. Não será todos os dias que você vai receber flores, pequenas bijus, caixas doces, chocolates entre outros pequenos detalhes que te fazia sentir unica e especial.

A realidade é que a maioria de nós não temos o dinheiro necessário para arcar com todas as despesas do novo lar. Assim, as tarefas deveriam ser divididas entre as partes que vivem no espaço, mas, não é assim que funciona.

Quem vive, ou que mora sozinho por longos anos, certas tarefas domésticas já fazem parte de nossas atividades o que não é real e verdadeiro nas demais casas e famílias. Digo isto, porque depois que o Santo Antônio se esforçou para unir aqueles crédulos e que realizaram as tarefas de alguma das simpatia, passa o tempo do namoro, tempo de noivado resolvem darem-se em casamento, é comum haver a consequente polarização de certas atividades dentro da casa.

Em certos momentos, tais polaridade e obrigatoriedade “natural” de cumprimento de tarefas podem se tornar em motivo para desagravo e debates. É comum numa casa, por exemplo, os vasos da geladeira estarem vazios e nenhum dos outros participantes tomarem a iniciativa de enchê-los e colocar novamente na geladeira. Nem todos temos dinheiro para adquirir estes filtros, em que a água mineral sai gelada.

Por curiosidade, cronometrei quanto tempo é necessário para encher o vaso que você acabou de esvaziar veja abaixo:

  1. Torneira lerda: 45 segundos;
  2. Torneira média: 30 segundos;
  3. Torneira normal: 15 segundos.

A maioria dos parceiros preferem se indispor com o outro por tal indolência, ócio, esticada mandriice. Isto por si não afeta os sentimentos nobres, mas, desgasta o convívio. E o convivio insuportãvel sufoca os sentimentos nobres.

Convivio, higiêne e comportamento

Conhecer as preferências higiênicas dos conjuges ajuda a longevidade do relacionamento. Hà reclamações feminimas, que ao longo de minha história, é comum a todas. Não é porque todas as mulheres são iguais, mas, certas caracteríticas são comuns a todas as fêmeas; abaixo alguns exemplos de comportamento que ajuda a sua companheira a distânciar de você:

  • Deixar o papel higiênico sujo virado para cima, numa papeleira que se tem que abrir a tampa;
  • Usar o sanitário com a porta aberta, em especial, naqueles dias em que a diarréia está forte, e é inevitável a realização da tarefa tão comum a nós humanos sem os sons característicos da tarefa;
  • Molhar a borda do vaso quando for urinar, o que é compreensivo! – Se o sujeito não consegue mirar o vaso com este tamanho, acertará outros menores?
  • Deixar a meia suja no quarto, em especial, se seu pé tem excesso de fungos provocadores  de fortes odores;
  • Depositar a roupa suja no guarda-roupa, armário ou lugar aonde se guarda as roupas limpas;
  • Mastigar imitando um porco perto dela;
  • Arrotar alto, e não dizer: “Perdão querida! foi sem querer!”
  • Querer beija-la assim que acordar, e, depois dela dizer, um sonoro NÃO, ele insistir!
  • Deixar as porta dos armários, guarda-roupas, gavetas abertas
  • Não cuidar do animalzinho de estimação;
  • Passar mais tempo em frente do computador do que do lado dela;
  • etc.

abb-00_2008-06-14_18-24-49

Uma coisa é uma coisa; 

O sujeito, a sujeita cometer alguns dos itens acima esporadicamente, é as vezes irrelevante, e passivel apenas de um lembrete, uma observação, uma reclamação moderada.

Outra coisa é outra coisa;

É quando as pessoas estão naqueles dias de pirraça, em que se escolhe na lista de atitudes desgastantes, irritantes, e faz com o propósito, com o intuito de contrariar, agastar, aborrecer, amolar. Estes acintes, estas desfeitas provoca um efeito colateral. E, se ambos ou um não parar, em breve se entra em processo de secessão.

Um outro lado;

Outro lado comum e desgastante é o companheiro deduzir um acinte onde não houve. Acontece muito de um dia qualquer, um dos companheiro comente um deslise e o outro se inflama e parte para o ataque dizendo:

  • Você fez porque sabe que eu não gosto !,
  • Faz para me provocar!
  • Você sempre me pirraça!
  • Eu não suporto, e você sempre faz!

Infelizmente, nem tudo que um faz é com a clara intenção de provocar o outro. Em muitos casos, a revanche é de fato, o inicio de uma pequena disputa. Como assim?

Você deduz que ele esqueceu de trazer o fermento que pediu, porque, dormiu vestida de moleton na noite anterior! A dedução, ainda que obvia e aparentemente lógica, pode estar fundamentada em bases falsas.

Ainda temos muito que aprender no convivio diário com aquele ou aquela que acreditamos que foi revelado por uma intervenção sobrenatural, no entanto, não tem sobrevivido ao dia-a-dia natural.

Não é de admirar que alguns, necessite da intervenção do Santo Expedito. O santo encarregado das causas impossíveis!

Anúncios

6 comentários em “Depois da simpatia o desgaste

  1. Abafa fofissimo….
    Pai Xoxó é uma fraude. Bom mesmo é Mãe Dinah!!!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    PS: Esquece véio…era crise de calundu, carentissima, mas conchinha coloca a onda no lugar…kkkkkkk…Olha a onda, olha a onda…

  2. Ontem conversava sobre este assunto com um casal de amigos que trocarão alianças em breve.
    Esses pequenos conflitos detonam mais do que grandes problemas.
    Agua gelada, não bebo, portanto não me preocupo em colocar na geladeira.
    Toalha molhada na cama, com certeza continuará no mesmo lugar e eu me deitarei no lado contrario, e se a roupa não for para o cesto, não será lavada.
    O que acontece na maioria das vezes é que no principio do casamento, existe a esperança de mudança, então é suportavel, com o passar do tempo começam as cobranças e acusações.
    Esse desgaste diario funciona como uma especie de imã, quando é percebido está gigante e não tem como ver a origem do problema.

    Beijinhos

  3. Pai Xoxó resolve essas pendengas em 3 dias. kkkkkkkkkkkkkkkkk

    Não sabia que você conhecia ou que já tinha colocado tais pendenga nas mãos deste excelente pai de santo!

  4. Prezado Adão Braga.
    Apesar de muitas pessoas provavelmente não conseguirem resistir à vontade de dar risadas, ao lerem o seu texto bastante pertinente, creio ter sido muito importante você alertar para o “day after”.

    Você ruiu! Me esforcei para ser sério!

    É mesmo muito comum encontrarem-se registros nos arquivos do Vaticano (que um conhecido meu, o Ykhro, consegue acessar secretamente) dando conta de grande parte dos casos que passaram pela mão de Santo Antônio acabarem sendo repassados para Santo Expedito. Inclusive, corre à boca miúda que esse é o santo mais burocrático de todos. E parece que foi do nome dele que se adotou a palavra “expediente” para descrever um dia chato dentro de um escritório ou repartição pública.

    Tenho um amigo que me revela certos detalhes destes casos.

    Agora, para encerrar:
    1) A interrupção do texto aí em cima, para uma publicidadezinha, ficou ótima – mas não dá para saber se faz parte daquele link com “eles lá de cima” ou se é daqui da área terrena apenas.

    Foi um deslize! A imagem era para comentar sobre os meios modernos de se encontrar um namorado, noivo e marido, e tentar livrar a cara de “Toinho”, no entanto, o texto ficaria “mais maior e mais grande, mais enorme” do que se tornou… mas, não é propaganda, é ilustração”

    2) De todos os erros muito bem apontados por você ao longo dessa minuciosa análise comportamental, considero imperdoável apenas um: – “esquecer de trazer o fermento que a patroa em casa pediu”. É realmente uma atitude quem tem destruído lares de forma quase inevitável.

    ha ha ha você, você!

    Estou orgulhoso de vir aqui ler os teus textos.

    E eu estou orgulho de tê-lo como assiduo visitante!

  5. Coitado do Santo Expedito, deve estar assim de coisas pra fazer, afinal, causas impossíveis são o que mais tem. hahahaha Abração e bom final de semana.

    Obrigado! E eu sei como é! “Até eu” tenho causas lá com ele

Comentar este texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s