Ações da alma Humana · Assuntos da Alma · Lembranças e Nostalgias · Opinitivo e Pessoal · Relacionamentos, casamentos e contratos · Vidas

The End – O Fim?


Hoje, exatamente agora, exite alguém chorando porque o outro veio dizer:

– Não dá mais para continuar;

– Vamos dar um tempo;

– É melhor pararmos agora, do que nos ferirmos mais;

Não importa a frase! Veio acabar com aquilo que você pensou durar para sempre. Acabou com aquilo que você acostumou a dizer: Que seja eterno enquanto durar!

Entretanto, que você, apesar de todos os indicativos, de que estava de mal a pior; que a relação estava ferida, sem ataduras, enferma e dando umas crises e por mais que você dispensasse cuidados emergenciais, não estava havendo melhoras.

Acaba assim de forma triste e melancólico, o que foi outrora definido como:

– O casal mais lindo da família;

– Se vocês não nasceram um para o outro, ninguém mais;

– Vocês serão felizes para sempre!!!

Entre outras opiniões, em que as pessoas incentivavam o romance, o amor, de ambos.

Ninguém, e nem você, se preparou para tal situação, ou seja, não se preparou para o fim do relacionamento. Este que você já imaginava que nem com a morte seria possível acabar!

A maioria das vezes, preferem arrastar uma relação deteriorada e se esquece que não há regras fixas para o amor, e quando acontece, de uma das partes, decidir que não é o que deseja, e rompe com o silêncio, e com a situação cômoda, pega a outra parte num momento de semi-surpresa.

De todas as forma, seja como for, ou como foi, é dolorido! Sofrido! Triste e angustiante. Falta o ar, e você pensa que vai morrer sufocado. Fica sem saber como a vida vai continuar.

– Como é que vou viver apartir de hoje? Não estava pronta para seguir outro caminho a não ser este que você pensou que seria eterno.

Agora que a eternidade foi efemerada, você fica perdida, desorientada, desnorteada!!

A intensidade de afeto é diferente entre os casais. E, é um erro comum, aquele que mais ama, pensar que o outro ama do mesmo tanto!  Um erro que complica o termino de uma relação.

Há casos, em quê, quem não deseja o rompimento, continua a amar e a sentir, o mesmo sentimento, e não entende ou não aceita a idéia do outro querer partir.

O amor não acaba com o rompimento; não para uma das partes.

Há casos, em que para nenhuma das partes. Nestes casos, há diversos elementos que complicam a relação, e não há sabedoria em ambos para contornar certas dificuldades a viverem tal amor com intensidade, beleza e recber as recompensas que só o amor é capaz de proporcionar.

Foi o meu caso!

Lá pros meus vinte e poucos anos, depois, de longos quatro anos de investimento, insistências, declarações, afagos, conseguir aquela, que foi, alvo de todo amor que conseguia produzir em mim.

Pensava nela o tempo todo. Falava nela constantemente. Sentia a falta dela com insistência, e desejava estar sempre com ela. Finalmente meus sonhos se realizaram.

Eu com 22 anos! Ela com 36. Havia entre nós esta diferença de idade. Exatamente de 14 anos 21 dias e algumas horas. Depois de muita insistência ela aceitou o amor, e resolveu viver o que a vida lhe dava.

Ela havia prometido, depois, que o marido fugiu com a vizinha e melhor amiga, que jamais se entregaria a outro homem. Promessas que fazemos em momentos dificeis da vida, como se todas as pessoas fossem iguais.

Na maioria das vezes, promessas assim feitas, se demonstram de fato, uma decisão baseada em pensamentos errôneos da situação.

Foi-me muito díficil romper esta barreira. Demorou muitos anos. Mas, seguia a orientação do Apóstolo que ensinou: Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta” – I Corintios 13:7

A situação complicou quando ela quis saber as perspectivas de nosso amor e esbarrou num possível futuro, em que ela estaria com mais de cinquenta, entrando em menopausa, e eu ainda com trinta e seis anos. Com energia e vigor sexual.

Ela, então, pensou que não poderia competir com as possíveis candidatas que se poderiam aparecer.

Desci do ônibus no Campo da Pólvora em Salvador. Fui até o apartamento, e já sabia que sairia dali ferido. E assim foi! Entrei no coletivo em direção a rodoviaria, ouvindo José Augusto.

Não brigamos. Não nos desentendemos. Ela apenas temeu o futuro! O que me foi muito dolorido. Não havia nada entre nós. Uma só briga. Uma desavença.

Quando há motivos para uma separação, aquele que ama com maior intensidade, se apega, e as vezes se revolta, em saber que algo, pequeno, insignificante, tenha se tornado tão importante, a ponto de impedir a outra parte de ver, a montanha de amor do outro lado.

Esta é uma característica triste dos amantes. É comum, um grão, se transformar numa montanha intransponivel.

Sofri. Cri. Chorei oito noites seguindas. Tive um amigo, que me ouvia todas as noites chorar. Não aceitava aquele fim. Mas, como amava, tinha que respeitar, aceitar, deixar livre. Tive o desejo de insistir e sacudi-la e força-la a aceitar e enfrentar os riscos. Porém, o amor não consegue oprimir, só consegue cercar de oportunidades.

O amor, de quem o sente, não morre. Fica lá guardado e aguardando, adormecido,  hibernando, na esperança de que o alvo dele, o aceite e volte!

Nalguns casos, como foi o meu, não houve, não há nenhum motivo, para que eu a tenha deixado de amar. E até hoje, (nos separamos em 10/1990) ainda me pego pensando nela.

Hoje, entretanto, penso que fui tão somente um objeto, uma agência nas mãos caprichosas do “senhor dos destinos”, das parcas (Moiras), do senhor do amor, em abrir aquele coração magoado e ferido.

Sem o amor incondicional que sentir por ela, ela jamais teria se modificado para a atual vida que tem. Ela, depois de meu amor, conseguiu ter outros relacionamentos.

Ela aprendeu, que há humanos que agem a semelhança daquele outro, mas, que não deveria jamais pensar que todos os outros seriam iguais a ele.

Casou-se novamente, teve uma filha. Linda! Vi as fotos dela no Orkut. E, depois, foi trocada uma segunda vez.

Não desitiu. Continua recebendo amor. E, já se encontra de novo amor em Belo Horizonte.

 Somos egoístas! E, pensamos que todo o universo, conspira para a nosso sucesso, mas, este sucesso, deve ser tal qual idealizamos e queremos. Nem sempre determinamos os rumos de nossas vidas, principalmente, quando o amor estar envolvido. Quando um relacionamento chega ao fim, não significa também o fim do amor.

Quem ama, continuará a amar. E vou retornar as palavras de Paulo:

O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha;


Anúncios

15 comentários em “The End – O Fim?

  1. Mto bom sua postagem.
    é assim mesmo
    é muito comlicado, as vzs nem sabemos o que fazer.
    cada vez q discuto com com namorado por besteirinha ele quer terminar e eu sempre imploro pra ele voltar..é humilhante, mas eu o amo, nao sei até q ponto o amor pode chegar.

  2. Adão:

    Linda postagem!
    E falando de amor…

    “A metáfora do amor”

    “O amor brota
    nos caminhos inesperados,
    Na inexperiência da juventude,
    No simples fato de viver,
    Na humildade de cada coração.

    O amor floresce
    no puro fato do gostar,
    No autêntico sentimento,
    No compreender que amor é vida,
    Na alegria, dignidade e esperança.

    O amor murcha,
    Na mentira,
    No desinteresse,
    No desencontro,
    No ferir da ignorância.

    O amor só morre no coração
    de quem não sabe amar
    Quando se esquece
    um valor chamado perdão,
    Quando se perde
    o sentido da vida,
    Quando o sentimento
    nasce e fica trancafiado…”

    (Gibran)
    Beijo.*Juli*

    A você e ao Gibran, minha reverência!
    Show. Grato por tão bela poesia!

  3. Adão:

    Já montou a sua árvore???
    Trouxe uma para vc!!!

    ___________________Paz
    __________________União
    _________________Alegrias
    ________________Esperanças
    _______________Amor.Sucesso
    ______________Realizações★Luz
    _____________Respeito★harmonia
    ____________Saúde★..solidariedade
    ___________Felicidade ★…Humildade
    __________Confraternização ★..Pureza
    _________Amizade ★Sabedoria★.Perdão
    ________Igualdade★Liberdade.Boa-.sorte
    _______Sinceridade★Estima★.Fraternidade
    ______Equilíbrio★Dignidade★…Benevolência
    _____Fé★Bondade_Paciência..Gratidão_Força
    ____Tenacidade★Prosperidade_.Reconhecimento
    – ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•.-
    – ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•…“

    CAMPANHA,VAMOS FAZER ESTA ÁRVORE CIRCULAR
    ATÉ AO FIM-DE ANO PARA ENERGIZAR 2008!!

    e o outro porque eu sou mesmo sua fâ incondicional é este:

    CAMPANHA, SOU SEU FÃ!!!

    ´´´´´´´´´´´¶
    ´´´´´´´´´´¶¶
    ´´´´´´´´´¶¶¶
    ¶¶¶´´´´´¶¶´¶
    ´¶¶¶¶¶¶¶¶´´¶
    ´´´¶¶´´´´´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶
    ´´´´´¶¶´Fô¶¶¶¶
    ´´´´¶¶´´´´´¶¶¶
    ´´´¶¶´¶¶¶¶´´¶
    ´´¶¶¶¶¶´´¶¶´¶´
    ´¶¶´´´´´´´´¶¶¶´
    Para você passar a quem quiser e porque você merece todo o meu carinho e amizade.
    Um abraço carinhoso da amiga Juli Ribeiro.

    Grato amiga Juli.
    Estou nestes dias, orando por você e
    sua filha!

  4. Poxa Adão, que texto!
    “Ninguém, e nem você, se preparou para tal situação, ou seja, não se preparou para o fim do relacionamento. Este que você já imaginava que nem com a morte seria possível acabar!”
    Realmente eu não imaginava, mas, comigo aconteceu. Me vi presente do início ao fim…cada palavra, cada vírgula.
    Bem como Caio disse: “Não adianta bancar o distante, lá vem o amor nos dilacerar de novo.”

    Beijo, beijo, beijo

    Tatá... e você querida! Como tá esse espancador dentro de seu peito???

  5. Rapaz… eu nem imagino o que é isso, cara! E espero nunca chegar nisso. Apesar de beirar os 30 anos de idade, só tive UM amor verdadeiro na vida… e permaneço com ela até hoje, 3 anos de relacionamento. É pouco, eu sei. Pode se acabar, um dia… mas não estarei preparado pra isso.

    De qq forma, isso sim é que é amor, maninho. Não uma paixãozinha miúda, nem profunda! Amor; de verdade! John Lennon dizia:

    “Deixo as coisas que amo livres. Se elas voltarem pra mim, é por que as conquistei”…

    Nada de ficar enchendo o saco da pessoa, fazendo loucuras de “amor” que isso é puro egoísmo… e nada de amor, né mesmo?

    Abraços o/

    Preocupa não amigo! Daqui você não sai
    sem chorar por amor, nem vivo!!!

  6. Já resolveu ? Não vejo a hora!!!
    Mas falei sintonizada pq eu e Rayol postamos praticamente juntos. Ele foi mais rapido no enter. Olhe os nossos horários !!! Madrugada insones…eu e rayol ….. hahahahahahahahahaha

    beijos amore !!! Hoje não posso voltar para a cama…

    Eu vi querida! Mas, o projeto tá andando!
    Amanhã resolvo algumas pendengas, e penso ser a últimas

  7. Poxa Adão..
    que texto lindo.
    Queria acreditar que todo mundo pode encontrar pessoas como você… que aparecem para tratar as feridas e mostrar que amar pode valer a pena.
    Beijo

    Alma, que bom que tenha gostado!
    Fiz pensando em algumas pessoas.
    Será que você estaria na minha lista??? !!!
    Conseguer ver algum traço seu???

  8. Adão,
    Não aceitar o fim de um relacionamento apesar do amor, é como se todos os dias vc cravasse uma faca no peito de quem ja não divide o sentimento com vc.
    Não basta amar, é preciso amar como o outro quer ser amado, ai entra meus pensamentos sobre o amor, vc define bem quando escreve “somos egoistas” .
    Terminar um relacionamento pra mim é dificil quando é com alguém que quer se agarrar a qualquer coisa, eu sempre choro, não sei porque, mas choro, e então eles sempre acham que o motivo é algo além da minha vontade.
    Não sei se seria egoista, nunca ninguém terminou comigo, se bem que dar motivos para o fim, é quase que a mesma coisa.
    Acho que foi muito digno da sua parte, amar não é possuir alguém, amar é viver e deixar que o outro siga seu caminho.
    “Eu não posso decidir quem vou amar, mas posso decidir como amar”

    Já que se falou em dupla sertaneja .

    “No meio da conversa,
    de um caso terminando,
    um fala e o outro escuta
    e os olhos vão chorando,
    a lógica de tudo
    é o desamor que chega
    depois que um descobre
    que o outro não se entrega…”

    Beijinhos

    Nós só temos que aprender Sarah, que em alguns casos,
    somos meros fantoches nas mãos dos sentimentos,
    e de forças externas. Algumas vezes, penso que sou amado,
    e também usado para amar!

  9. Acho que a pessoa tem como ir preparando a outra sim, o famoso “nosso namoro subiu no telhado”, pedir um tempo. Nas vezes que terminei dei indícios de que a coisa não ia bem, quando “fui terminado” também já tinha visto que a coisa não ia bem.
    Recentemente sofri muito por um amor que não foi correspondido e foi triturado por atitudes, digamos… tristes.
    Abr
    São casos e casos amigo!
    Nalguns casos, não há sintomas
    Há pessoas que são grandes hipocritas
    Escondem até o último momento suas intenções!

  10. Eu e Rayol estavamos sintonizados em você. Tá vendo ???

    “…. É o amorrrrrrrr…que mexe com minha cabeça e me deixa assim…
    que faz eu pensar em você e esquecer de mim…”

    ++ beijos !!!

    Vais sintonizar mesmo é quando resolver alguns problemas por
    aqui, então colocarei a rádio Adão Braga no ar!
    Ai, você poderá estar conectada de fato!

  11. Que belo texto enaltecendo o amor! E viva o amor! O amor é lindo!

    Beijos meu amigo !!! O importante é que você sabe que valeu a pena amá-la. E quem sabe, 17 anos depois, ela também não se lembra que valeu muito a pena ser amada por um menino de 22 anos?

    beijos no seu coração
    boa semana !

    É assim que o amor segue querida! Nunca faz vitima, apenas, triunfa!

Comentar este texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s